05 setembro 2006

Eu estive lá!!!

A enchente neste Benfica-Panathinaikos não foi por acaso. O jogo realizou-se numa altura em que o resultado de um jogo europeu do Benfica era notícia de telejornal, em que as revistas de jornais semanários faziam reportagens acerca do sucesso da equipa e a RTP2 transmitia os jogos em directo. O adversário era uma das melhores equipas europeias, senão a melhor e o Benfica, caso ganhasse, teria enormes possibilidades de passar à fase seguinte. Um feito inédito, até para o Benfica.
Este jogo, a par dos quintos jogos das finais contra a Ovarense e o Porto foram as maiores enchentes que presenciei no pavilhão da Luz. Poderíamos tê-lo ganho não fosse a lesão do Carlos que escorregou no chão e fez uma rotura parcial de ligamentos do joelho.
Grandes noites de basket!!!

3 comentários:

Anónimo disse...

Lembro-me bem desse jogo. Quando cheguei ao pavilhão já não havia bilhetes, mas tal era a loucura que acho que poderia ter entrado nao fosse o pavilhão já estar a rebentar pelas costuras... O Nikos Gallis fez um jogo espantoso (36 anos e 30 pontos se bem me lembro), terá sido a melhor exibição de um jogador não benfiquista no nosso pavilhão. Grandes equipas, grandes momentos, grandes memórias.

Pelicano disse...

e na altura era uma selvajaria... era só fumo de tabaco. As bancadas pareciam o metro à hora de ponta...

Hugo disse...

Saudades de um ambiente desses, mas sem o fumo...